Digital Influencer acusa enteado de agressão

0
821

Powered by WP Bannerize

A influencer cuiabana Kedma Oliveira, de 26 anos, acusou o empresário José Derli, filho de seu namorado, de agressão. O caso ocorreu na noite de domingo em Florianópolis (SC), no imóvel onde ela estava hospedada com o namorado e outros parentes. O empresário nega a agressão

A jovem publicou em seu stories no Instragam uma foto com hematomas no rosto e no peito. Em seguida, gravou vídeo pedindo socorro. “Eu não aguento isso. Ninguém me deixa ir embora. Eu preciso ir embora. Eu já vou sair como culpada, porque eles são ricos, eles têm dinheiro, têm isso, têm aquilo. E eu sou a má”, disse. “Como uma pessoa faz isso com uma mulher? Todo mundo que está aqui na casa está do lado dele. Ninguém vai falar nada. Ninguém ”, acrecentou. O pedido de ajuda movimentou as redes sociais. Diversos perfis do Instagram que cobrem celebridades começaram a repercutir a denúncia para que a polícia fosse até o local onde ela estava.

Como uma pessoa faz isso com uma mulher? Todo mundo que está aqui na casa está do lado dele. Ninguém vai falar nada

Na manhã desta segunda-feira (4), Kedma disse que foi levada para uma unidade de atendimento e precisou receber dois pontos na boca. Ela ainda contou que havia conseguido uma advogada e já teria registrado um boletim de ocorrência na delegacia.

A influencer disse ainda que estava em um hotel para aguardar os exames de corpo de delito.

Conforme ela, seu voo para Cuiabá está agendado para hoje à noite.

“Para as pessoas que estão supondo que eu tenha feito isso para chamar atenção, fiquem vocês sabendo que eu abri mão de muita coisa para expor isso, muita coisa mesmo”, falou a jovem que terminou o relacionamento após a agressão.  O empresário José Derli gravou um vídeo ao lado da esposa negando as agressões. Ele disse que foi até a delegacia contar sua versão.

“Quem quiser acreditar, acredita. Quem não quiser, não acredita. Está eu e minha esposa aqui, muito paz e amor.  Meu coração está em paz, minha esposa está em paz. Eu estou muito tranquilo, hoje é meu aniversário, estou de boa”,disse.

A influencer cuiabana Kedma Oliveira, de 26 anos, relatou que foi tratada como criminosa na delegacia em Florianópolis (SC).

Kedma foi até o local para registrar um boletim de ocorrência contra o empresário José Derli, filho de seu namorado, a quem acusa de agressão.

O caso ocorreu na noite de domingo (3) no imóvel onde ela estava hospedada com o namorado e outros parentes. O empresário nega a agressão.

Da delegacia, ela ligou para a irmã, Esthéfanny Oliveira e contou a situação. Esthéfanny publicou os trechos da ligação no Instagram.

“Eu cheguei aqui, estão pegando meu celular, não me deixam pegar meu celular. Me tratam como uma criminosa, como se eu tivesse ferido alguém, como se eu fosse a culpada”, disse Kedma na ligação.

Me tratam como uma criminosa, como se eu tivesse ferido alguém

“O delegado me ameaçou, falou que vai me prender, por causa do meu celular. Eles estão me tratando como se eu fosse a errada”, acrescentou.

Ao fundo, é possível ouvir o delegado dizer: “Eu nunca falei isso. Não inventa essas coisas”.

A reportagem tentou sem sucesso contato com a Polícia Civil de Santa Catarina.

Após a publicação da ligação, a irmã de Kedma conseguiu que uma advogada fosse até a delegacia para acompanhá-la.

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta