Bate Boca na Câmara

0
88

Powered by WP Bannerize

O presidente da Câmara de Cuiabá, Juca do Guaraná (MDB), e o vereador Dilemário Alencar (Podemos) voltaram a protagonizar um bate-boca, com troca de ofensas, durante sessão na terça-feira (22).

Dilemário classificou Juca de “fantochão do prefeito” e “ditador”; Juca disse que o colega é “mocinha de recado do governador” e “velho com dentes caindo”.

A discussão ocorreu durante debate sobre a promessa de envio de doses extras de vacina contra a Covid-19 para Cuiabá, anunciada pelo prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) após viagem à Brasília, no início do mês.

Dilemário afirmou na sessão que em nenhum dos vídeos gravados pelo deputado federal Emanuelzinho (PTB) e o prefeito Emanuel Pinheiro, ao lado do ministro, o termo “doses extras” é citado por qualquer um dos envolvidos.

Ao final da sessão, Juca do Guaraná saiu em defesa da Prefeitura, afirmando que cabe aos vereadores cobrar de Queiroga para que “cumpra a sua palavra”, chegando a exibir um dos vídeos criticados por Dilemário.

Juca, por sua vez, alegou que estava apenas “defendendo a verdade”. Ao final da sessão, chegou a aponta que qualquer vereador que não tiver respeito ao se pronunciar na Câmara, independente do momento da sessão, sofrerá a sua intervenção.

Ao encerrar a sessão, Juca chegou a pedir desculpas a Dilemário, afirmando que apenas queria que o ministro cumprisse com a palavra dele.

“Gostaríamos de ver mais cuiabanos imunizados. Peço até desculpas que no calor do momento eu lhe ofendi, fui um pouco mais grosseiro, mas a forma que o senhor falou, de que o ministro não prometeu… Tenho certeza que todos os vereadores ficariam feliz por doses extras”, disse.

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta